Sindicatos Médicos:

Você não está logado
Entrar | Cadastrar




Palavras-chave

FENAM exige respeito à legislação trabalhista brasileira pelo Mais Médicos




Representantes de entidades médicas puderam expor sua posição acerca do Programa Mais Médicos em debate realizado na tarde desta quarta-feira (04), no Plenário da Câmara dos Deputados O presidente da Federação Nacional dos Médicos (FENAM), Geraldo Ferreira, em sua exposição, exigiu que a MP 621/2013 respeite a legislação trabalhista brasileira e garanta os direitos do trabalhador.

"... Nós defendemos a realização do concurso público e que tudo seja feito dentro da legalidade... Entendemos que compete ao parlamento garantir os direitos trabalhistas dos médicos brasileiros e dos estrangeiros para não dar uma enganação de atendimento ao povo...".

Ele baseou seu discurso na ida à AGE da CONFEMEL, na qual foi discutida o tema "Migrações Médicas" e os países que possuem experiência com a importação de médicos cubanos fizeram algumas recomendações, além de apoiar a luta da FENAM. Para Ferreira, o governo trata a saúde como moeda eleitoreira. Confira a íntegra na FENAM TV!





Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 893 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)