Sindicatos Médicos:

Você não está logado
Entrar | Cadastrar

21 de setembro: diretor explica como será o protesto contra planos de saúde




Cartão vermelho para os planos que não querem negociar com os médicos", é com esse mote que as entidades médicas nacionais e estaduais protestarão contra as operadoras de saúde que se recuraram a negociar a revisão dos honorários médicos ou que apresentaram propostas consideradas irrisórias. A paralisação, programada para o próximo dia 21, é um desdobramento direto do ato de 7 de abril, quando houve mobilização nacional dos médicos contra os problemas observados na saúde suplementar. Entretanto, desta vez, os profissionais trabalharão normalmente, suspendendo apenas o atendimento a esses planos por 24 horas, como forma de protesto.

O secretário de saúde suplementar da FENAM, Márcio Bichara, explicou em entrevista, os detalhes do movimento.

Confira!





Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 972 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)